Supernatural e a maldição do “Little Bastard”.

Sam Winchester na cena da misteriosa morte.

 Ainda falando de James Dean e sua Porsche, no ano de 2009 foi ao ar o quinto episódio da quinta temporada da série de suspense “Supernatural”. O episódio traz o “Little Bastard” e o famoso mito sobre a maldição que o acompanha. A primeira cena começa com dois amigos em uma garagem comemorando terem encontrado a icônica Porsche após 17 anos de busca. Então, um dos homens decide entrar no carro enquanto o outro entra na casa para buscar a filmadora, e é nesse momento que, misteriosamente, o homem dentro da porsche morre, com ferimentos que seriam equivalentes ao impacto de um carro em movimento a aproximadamente 130 km/h. O caso misterioso atrai os irmãos Winchester, Dean   Winchester, o irmão mais velho que é apaixonado por carros, se interessa mais do que o normal pela história e decide ver o carro de perto. Então conta para o irmão – leigo no assunto – o mito de mau-agouro que acompanha o carro, e é a partir daí que eles começam a investigar o real motivo da morte do mais recente dono do carro que era dirigido por James Dean na hora de sua morte. Após o caso desvendado e resolvido, o episódio termina com Dean deixando seu irmão mais novo, Sam, dirigir seu carro, coisa que acontece raríssimas vezes na série, já que Dean é extremamente cuidadoso com seu carro, um belíssimo  Chevy Impala 1967, com motor V-8, mas falaremos do Impala em um próximo post.

O Mito:

Após o acidente envolvendo o Porsche “Little Bastard” que causou a morte de James Dean, iniciou-se uma lenda urbana na qual outras mortes e mutilações aconteceriam à pessoas que entrassem em contato com a “Porsche amaldiçoada” envolvida no acidente.O mito começou depois que George Barris – homem que originalmente personalizou o porsche de Dean – comprou a carcaça do carro por US$ 2.500,00 e, pouco depois, o carro escorregou do reboque e quebrou as duas pernas do mecânico. Depois do incidente, Barris vendeu o motor e outras peças para dois homens que, em seguida, se envolveram em acidentes, matando um e deixando o segundo gravemente ferido. Barris manteve o carro em seu poder enquanto vendia algumas peças, duas rodas foram vendidas para um homem que foi jogado para fora da estrada logo depois de as duas rodas, que antes pertenceram ao “Little Bastard”, estourarem ao mesmo tempo.

Depois de outros cinco incidentes, o porsche amaldiçoado sumiu enquanto era transportado por um caminhão baú, e, desde então, não se tem mais noticias do ” Little Bastard” ou de suas peças.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s